CHASSIDISMO – O MOVIMENTO E SEUS MESTRES


Chassidismo Vol 10

Harry M Rabinowicz, A. Koogan (Editor), Editora Sêfer, 441 páginas (18×24 cm, brochura), 1990

PORTUGAL: Informações e encomendas através do email euronigma@sapo.pt

***

Chassidismo, o Movimento e seus Mestres

Apresenta a história completa, do surgimento aos nossos dias, desse movimento tão singular em suas concepções e em sua prática do judaísmo.

A evolução das ideias e dos centros chassidicos, as disputas com outras correntes do judaísmo, as biografias dos grandes mestres, são narrados com leveza e um certo humor.

O livro conta também com índice remissivo, notas e bibliografia.

Paulo Geiger

Editor

(Este livro é o volume 10 da Colecção Judaica)

CONTOS DE TSADIKIM – VAICRÁ


Contos  Vaicrá

G. MaTov, Editora Sêfer, 272 páginas (16×23 cm, brochura), ISBN 978-85-7931-004-1,  2010

PORTUGAL: Informações e encomendas através do email euronigma@sapo.pt

***

Contos de Tsadikim – Vaicrá (3º volume da coleção)

O Talmud ensina que um aluno pode aprender mais das ações de seu mestre do que de suas palavras, pois existem preciosas lições a serem aprendidas dos atos praticados por pessoas boas, os quais fazem as pessoas ao seu redor absorverem os ensinamentos da Torá desses “anjos que caminham entre os mortais”, como bem ilustra o sábio Chazon Ish.

Este livro é, na verdade, uma arca do tesouro repleta das mais belas histórias do Talmud, do Midrash e de grandes homens através dos séculos. Elas estão repletas da sabedoria da Torá, esse elixir de inspiração que preenche e dá sentido à vida do povo judeu.

Esta coletânea está dividida de acordo com as leituras semanais da Torá, para que cada Shabat seja enriquecido com histórias fascinantes relacionadas à parashá correspondente. 
Mas não pense o leitor que poderá ler somente as histórias daquela semana e abandonar o livro até a próxima… Esse é um livro que – felizmente – será folheado diversas vezes!

Com linguagem e apresentação adaptadas aos dias de hoje, Contos de Tsadikim já é considerado um best-seller em diversas partes do mundo. Do começo ao fim, enriquece o conhecimento e faz brilhar mais forte a chama da Torá em nossos corações. 
Que possamos aprender de nossos Tsadikim lições que carregaremos para o resto de nossas vidas, iluminando e indicando o caminho certo a seguir.

***

Prefácio à Edição Brasileira

A edição do terceiro volume da série Contos de Tsadikim sobre o Livro de Vaicrá têm um gostinho todo especial. Nossos sábios nos instruem que as crianças devem iniciar o seu estudo justamente pelo terceiro livro da Torá, aquele que trata das oferendas que eram levadas ao altar do Beit Hamicdash.

O Rav Assi disse: “Por que iniciam (o estudo) com as criancinhas com o Livro de Torat Cohanim – Vaicrá e não com o livro de Bereshit? Porque as crianças são puras e os corbanot (oferendas) são puros. Venham os puros e estudem sobre os puros.” (Vaicrá Rabá, cap.7 letra 3)

Apesar de o Livro de Bereshit ser o início da história e, didaticamente, teria certa lógica iniciar o estudo pelo começo, nossos sábios dão preferência à “essência”. Assim, quando estudam o assunto das oferendas trazidas pelo homem ao Todo-Poderoso com o coração puro, a pureza das crianças que, em sua ingenuidade, não experimentaram a malícia e o pecado, têm uma força especial sobre o próprio carácter das crianças e, de forma mística, sobre a humanidade como um todo.

Muitas vezes, a forma e a didática ditam as diretrizes sobrepondo-se até sobre os conteúdos. Mas, desta vez, a essência foi prioritária em relação à “forma”,  a alma ao corpo, o coração à razão e “o quê” ao “como”.

Vamos então aproveitar, pais e filhos, para curtirmos novamente as histórias sobre as passagens da Parashat Hashavúa, para embelezarmos a santidade de nossas refeições do Shabat. Vamos sentir a pureza de nossas almas e a beleza da nossa Torá.

Rabino Raphael Shammah

CONTOS DE TSADIKIM – SHEMOT


Tsadikim  shemot

G. MaTov, Editora Sêfer, 272 páginas (16×23 cm, brochura), ISBN 978-85-85583-90-3, 2008

PORTUGAL: Informações e encomendas através do email euronigma@sapo.pt

***

Contos de Tsadikim – Shemot (2 volume da coleção)

O Talmud ensina que um aluno pode aprender mais das ações do seu mestre do que de suas palavras, pois existem preciosas lições a serem aprendidas dos atos praticados por pessoas boas, os quais fazem as pessoas ao seu redor absorverem os ensinamentos da Torá desses “anjos que caminham entre os mortais”, como bem ilustra o sábio Chazon Ish.

Este livro é, na verdade, uma arca do tesouro repleta das mais belas histórias do Talmud, do Midrash e de grandes homens através dos séculos. Elas estão repletas da sabedoria da Torá, esse elixir de inspiração que preenche e dá sentido à vida do povo judeu.

Esta colectânea está dividida de acordo com as leituras semanais da Torá, para que cada Shabat seja enriquecido com histórias fascinantes relacionadas à parashá correspondente. Mas não pense o leitor que poderá ler somente as histórias daquela semana e abandonar o livro até à próxima… Esse é um livro que – felizmente – será folheado diversas vezes!

Com linguagem e apresentação adaptadas aos dias de hoje, Contos de Tsadikim já é considerado um best-seller em diversas partes do mundo. Do começo ao fim, enriquece o conhecimento e faz brilhar mais forte a chama da Torá em nossos corações. Que possamos aprender de nossos Tsadikim lições que carregaremos para o resto de nossas vidas, iluminando e indicando o caminho certo a seguir.

***

Prefácio à Edição Brasileira

Após o grande sucesso da publicação de Contos de Tsadikim – Bereshit, tenho a grata satisfação de apresentar o segundo volume dessa coleção: Contos de Tsadikim – Shemot.

Muitos pais me relataram entusiasmados sobre o grande benefício percebido no ambiente da mesa do Shabat e no relacionamento com seus filhos por meio das histórias desta coleção.

No Livro de Shemot (Êxodo), recebemos a ordem Divina sobre a construção do Mishcan (Tabernáculo), a tenda na qual a Shechiná (Presença Divina) se revelava. No lugar mais sagrado do Mishcan, a sala do Codesh Hacodashim (“Santo dos Santos”), ficava a Arca Sagrada onde estavam guardadas as Tábuas da Lei. Sobre a Arca havia dois querubins, uma alusão aos anjos que pairavam sobre a Arca.

Qual o significado desses anjos e como entender seu valor, uma vez que o judaísmo sempre se afastou de qualquer símbolo material de forças espirituais?

A resposta é que esses anjos tinham faces de crianças (em aramaico keruvia, que quer dizer “como crianças”). Na verdade, era isso que estava sobre a Arca que guardava as Tábuas: a mensagem de que deveríamos investir na educação das novas gerações a fim de assegurar a preservação da Torá oelo povo judeu.

Constam no Midrash Shir Hashirim as palavras do Rabi Meir:

“Na hora em que o Povo de Israel estava no Monte Sinai para receber a Torá, ouviu-se o seguinte diálogo entre Deus e o povo judeu:

– Eu decidi entregar a Torá a vocês – disse Deus. – Contudo tragam-me bons fiadores que Me garantam que vocês a respeitarão, e então Eu a darei a vocês.

– Senhor do Universo – respondeu o povo, – nossos antepassados serão nossos fiadores! Nossos profetas serão nossos fiadores!

– Mas estes também necessitam de fiadores por eles mesmos – disse Deus. – Tragam-Me bons fiadores, e então Eu darei a Torá a vocês.

– Nossos filhos serão nossos fiadores! – retrucou o povo judeu.

Ao ouvir isso, Deus afirmou:

– Estes certamente serão bons fiadores. Por causa deles Eu darei a Torá a vocês!”

Ao contar histórias como as deste livro aos nossos filhos  estamos garantindo que a Torá se perpetue em nosso povo. As nossas crianças são os verdadeiros “anjos da guarda” das Tábuas da Lei. Cada pai e cada mãe que transmite mais um ensinamento do Sinai está se aliando e reforçando a corrente milenar de nossa Torá e dando mais um passo rumo ao nosso ideal.

Por fim, gostaria de agradecer e parabenizar os patrocinadores desta ediçãoo por darem esta grande oportunidade a toda a comunidade brasileira.

Rabino Raphael Shammah

JARDIM DAS ALMAS


Jardim das Almas

Rabino Avraham Greenbaum, Editora Sêfer, 176 páginas (14×21 cm, brochura), ISBN 978-85-85583-83-5, 2010

PORTUGAL: Informações e encomendas através do email euronigma@sapo.pt

***

Jardim das Almas – Ensinamentos do Rebe Nachman de Breslav sobre o sofrimento

Jardim das Almas é uma das mais belas e aclamadas lições do Rebe Nachman de Breslav (1722-1810). Seus ensinamentos advêm do sofrimento do próprio Rebe – em consequência da trágica perda de seu filho ainda bebê – e oferece orientação e conforto para lidar com a dor e o sofrimento em nossas próprias vidas e daqueles que nos cercam.

Por que nós normalmente fechamos os olhos nos momentos de dor? Esse reflexo físico demonstra um anseio espiritual de transcender o sofrimento, focando nosso olhar interno no objetivo final desta vida. É a crença na bondade Divina que torna possível encontrar significado nos testes deste mundo, superar as adversidades e transformá-las em experiências capazes de nos elevar e alcançar uma alegria profunda. Esta edição traz ainda outros ensinamentos relacionados ao tema e preces elaboradas por esse grande conhecedor da alma humana.

***

Fé e esperança são os princípios fundamentais capítulo central deste livro: a bela lição chamada de “Jardim das Almas” (Licutê Moharan I:65). Escrito a partir do seu próprio sofrimento, provocado pela perda de seu filho Shlomo Efraim ainda bebé, o Rebe Nachman oferece orientação e conforto para lidar com a dor e o sofrimento. O ponto crucial que daqui emerge é que o sofrimento nos é enviado com o sentido de nos aproximar de Deus. Quando acreditamos e reconhecemos isso firmemente, é possível encontrar maneiras de utilizar a própria dor e as adversidades para nos aproximar do objectivo final nesta vida.

Devido à grande distância existente entre o mundo de hoje e a fé, mesmo os fundamentos da Torá sobre a dor e sofrimento soam estranhos a muitas pessoas. Por isso, o capítulo “Uma questão de fé” apresenta uma síntese de algumas das ideias centrais que sustentam o ponto de vista da Torá. Já o capítulo “A visão da Torá sobre o sofrimento” apresenta trechos do livro “O Caminho de Deus”, do Rabino Moshe Chaim Luzzato (o Ramchal), que constituem a essência dos ensinamentos clássicos da Torá sobre este assunto.

Rabino Avraham Greenbaum

Conheça também a obra Anatomia da Alma do Rabino Chaim Kramer (publicada pela editora Sêfer)

***

Sobre o autor:

O Rabino Nachman de Breslav nasceu em 1º de Nissan de 5532 (1772), na cidade de Medzeboz, na Ucrânia, e era bisneto do Baal Shem Tov (“Mestre do Bom Nome”), o fundador do movimento chassídico. Ao se destacar como grande “tsadic” (justo), sábio da Torá, professor e mestre chassídico, passou a atrair seguidores que o consideravam sua fonte mais importante de orientação espiritual na busca por Deus. Ele viveu na cidade de Breslav, na Ucrânia, do outono de 1802 até à primavera de 1810, mudando-se depois para Uman, aonde veio a falecer de tuberculose seis meses depois, em 18 de Tishrê de 5571 (1811), aos trinta e oito anos, sendo ali enterrado.

O Rebe Nachman era um grande místico e cabalista, mas, ao mesmo tempo, um homem prático e realista. Ele narrava contos de príncipes e princesas, mendigos e reis, demónios e santos, e ensinou sobre a necessidade de se viver com fé, honestidade e simplicidade.

Quando o Rebe Nachman faleceu, seus seguidores não foram capazes de encontrar ninguém que o substituísse. Em vez de nomearem outro Rebe, eles continuaram a buscar inspiração e orientação nos ensinamentos do próprio Rebe Nachman, que continuou sendo o Rebe deles. Os seguidores do chassidismo de Breslav têm agido assim desde então, estudando seus escritos e empenhando-se na prática de seus ensinamentos em suas vidas. Nesse sentido, pode-se afirmar que o Rebe Nachman continua a ser o líder dos seguidores do chassidismo de Breslav.

UMA HISTÓRIA DO POVO JUDEU


Uma História do Povo Judeu, volume 1: De Canaã à Espanha

Hans Borger, Editora Sêfer, 480 páginas (16×23 cm, capa flexível), ISBN 85-85583-22-3, 1999 (3ª edição)

PORTUGAL: Informações e encomendas através do email euronigma@sapo.pt

***

Uma História do Povo Judeu, volume 2: Das Margens do Reno ao Jordão

Hans Borger, Editora Sêfer, 656 páginas (16×23 cm, capa flexível), ISBN 85-85583-41-X, 2002

PORTUGAL: Informações e encomendas através do email euronigma@sapo.pt

***

Creio que o público leitor interessado na temática terá, pela primeira vez, a oportunidade de manusear uma história judaica, abrangendo desde o período bíblico a do Segundo Templo até à expulsão dos judeus da Espanha e de Portugal, escrito com honestidade intelectual, isenção de espírito e conhecimento dos factos. Na verdade, desde que foram publicados em língua portuguesa os resumos da história judaica do clássico Simon Dubnov e de Cecil Roth, nas décadas de 40 e de 50, pouco se fez para actualizar o nosso conhecimento sobre o assunto. Portanto, um dos méritos, entre outros, da obra de Hans Borger é o de apresentar a matéria em questão sob a luz das novas descobertas arqueológicas e da pesquisa mais recente numa síntese amena e atraente, enriquecida de farto material ilustrativo e cartográfico.

Prof. Dr. Nachman Falbel, Titular de História Medieval, Universidade de São Paulo

***

Sobre o autor:

Hans Borger nasceu em Berlim, Alemanha, e chegou como adolescente ao Brasil em 1936, com sua família, fugida do nazismo. Integrou-se rapidamente na comunidade judaica paulistana, participou de vários movimentos juvenis e, adulto, ocupou cargos de direcção na vida comunitária.

Ávido leitor e apaixonado da história judaica é, ao lado de alguns cursos que fez, essencialmente um autodidacta, e este livro é o resultado de dezenas de anos de convivência com académicos e de estudo e pesquisa próprios.

COLECÇÃO JUDAICA


Edição de Paulo Geiger, Editora Sêfer, 4.500 páginas (18×24 cm), ISBN 85-85583-61-4, 2003

PORTUGAL: Informações e encomendas através do email euronigma@sapo.pt

***

Colecção Judaica é composta por obras de diferentes autores e assuntos, e concebida de modo a cobrir toda a temática judaica em seus aspectos mais importantes, proporcionando a qualquer usuário uma visão abrangente e actualizada do povo, da história, da cultura e do pensamento judaicos.
A edição é de Paulo Geiger, que também chefiou a equipe de produção editorial e gráfica da Editora A. Koogan (RJ).
São 10 volumes, na maioria ilustrados, perfazendo cerca de 4.500 páginas, formato 18×24 cm, agora com capa mole plastificada. O esmero na apresentação gráfica é uma moldura adequada ao cuidado que se deu ao texto, na escolha e na edição. São sete títulos, reunindo o que há de mais representativo em cada tema.
No conjunto, a Colecção funciona como uma obra de referência ampla e actualizada. As bibliografias e, principalmente os muitos índices que permitem localizar facilmente qualquer assunto ou nome, ampliam e dão unidade e circularidade à obra como um todo.

POVO JUDEU, PENSAMENTO JUDAICO (2 volumes)
de Robert M. Seltzer
Apresenta a história analítica do povo judeu, dos primórdios aos nossos dias e, simultaneamente, da criação judaica no campo das ideias, da religião e da filosofia.

HISTÓRIA DE ISRAEL (2 volumes)
de Howard M. Sachar
Apresenta a vigorosa e fascinante história do sionismo e do Estado de Israel, do processo de gestação, nascimento e vida do Estado de Israel até a independência, as conquistas e as guerras do Estado.

CONHECIMENTO JUDAICO (2 volumes)
de Nathan Ausubel
Enciclopédia de temas judaicos amplamente ilustrada, onde toda a estrutura conceitual e formadora do judaísmo é apresentada na forma de verbetes, em ordem alfabética.

O TALMUD ESSENCIAL
de Adin Steinsaltz
É uma abertura, um primeiro e necessário passo para se abordar e entender, em sua essência, a estrutura e o método do Talmud, numa abordagem e num tratamento que visa a torná-las acessíveis e atraentes a todos.

UM TESOURO DO FOLCLORE JUDAICO
de Nathan Ausubel
Apresenta contos, lendas, anedotas, midrashim, provérbios, canções  e todo o acervo folclórico judaico, dividido em secções por assunto e comentado pelo autor.

CABALA
de Gershom Scholem
Um dos maiores especialistas académicos em misticismo judaico, analisa exaustivamente a Cabala em seus múltiplos e diversos aspectos: histórico, conceitual e filosófico, e prático.

CHASSIDISMO: O MOVIMENTO E SEUS MESTRES
de Harry Rabinowicz
Apresenta a história, do surgimento aos nossos dias desse movimento tão singular em suas concepções e em sua prática do judaísmo.

SÊFER IETSIRÁ – O LIVRO DA CRIAÇÃO



Teoria e Prática

Rabino Aryeh Kaplan, Editora Sêfer, 384 páginas (14×21 cm, capa flexível), ISBN 85-85583-32-0, 2002 (3ª edição)

EUROPA: Informações e encomendas através do email euronigma@sapo.pt

***

Para muitos, a palavra Cabalá encerra, por si, a experiência mística por excelência. Mas a verdade é que muitos livros modernos sobre o tema pouco iluminam seus antiquíssimos e mágicos aspectos. Nesta tradução do Sêfer Ietsirá, tido como o mais misterioso de todos os textos cabalísticos, o Rabino Aryeh Kaplan traz à luz implicações teóricas, meditativas e mágicas.

Ele explora a dinâmica do domínio espiritual, os mundos das Sefirot, das almas e dos anjos. Quando plenamente compreendido, o Sêfer Ietsirá torna-se o manual de instruções para um tipo muito especial de meditação que tem o propósito de fortalecer a concentração e auxiliar no desenvolvimento de poderes cinéticos e telepáticos. A função destes poderes era ajudar os estudiosos da Cabalá a alcançarem feitos que aparentemente envolviam alguma espécie de magia.

A Cabalá mágica é intimamente ligada à Cabalá da meditação, e se utiliza de vários sinais, encantamentos e nomes Divinos através dos quais seria possível influenciar ou alterar eventos naturais. Esta tradução inclui as cinco dimensões da meditação, a transição de Biná para a consciência de Chochmá, o ponto para o infinito, astrologia cabalística, a visão de Ezequiel de acordo com o Sêfer Ietsirá, e o mistério dos 231 portões.

Também faz parte desta edição uma compilação dos comentários mais importantes sobre o texto do Sêfer Ietsirá, e a relação de muitos dos grandes trabalhos cabalísticos que o abordam, bem como notas extensas sobre aspectos específicos da obra. A tradução feita pelo Rabino Kaplan baseia-se na versão chamada “Gra”, tida como a mais autêntica.

Inclui a versão resumida, a versão longa e a versão de Saádia Gaón, fazendo da obra a mais completa editada até hoje.

***

Sobre o Autor:

O Rabino Aryeh Kaplan foi um mundialmente famoso erudito da Torá que produziu mais de cinquenta livros em sua breve vida, entre eles: Sêfer Ietsirá; Meditação e Cabalá; Imortalidade, Ressurreição e Idade do Universo (editados pela Sêfer); Meditation and Bible; e O Bahir (editado pela Imago).

As obras de Kaplan incluem comentários e traduções de antigas e obscuras obras de eruditas bíblicos e cabalistas, assim como livros aconselhando jovens judeus sobre os méritos do estudo e observância da Torá. Durante um período foi editor da revista Jewish Life, traduziu um enorme comentário sobre a Torá da autoria do Rabino sefaradi Iaacov Culi e produziu uma original tradução/comentário dos Cinco Livros de Moisés, que chamou de Torá Viva.

Aryeh Kaplan nasceu no Bronx, Nova Iorque, estudou na Yeshivá local e continuou sua educação em Yeshivot de Israel. Durante um tempo entrou no campo da ciência e foi, por um breve período, o mais jovem físico empregado pelo governo dos Estados Unidos antes de devotar sua vida ao estudo da Torá. O Rabino Aryeh Kaplan faleceu aos 48 anos, em 1983.

%d bloggers like this: